MURALHA

MINHA VONTADE DE VOCÊ ME CONSOME.
INCENDEIA A MINHA ALMA.
ME CEGA.
ME TRANSTORNA.
ME DAR MEDO.
PORQUE PERCO O CONTROLE.
O DOMÍNIO.
COMO DOMINADORA QUE SOU
QUERO VOCÊ EM MINHAS MÃOS.
COMO ESCRAVO,
COMO INDEFESO,
PRESA FÁCIL.
LOGO QUESTIONO,
QUEM ESTÁ PRESO?
ENTRELAÇADO?

DESTINO

SOU PAREDE INTRANSPONÍVEL.
SOU MURALHA DE  PEDRA.
SOU LIMITE.
SOU FINITO.
TE EMPAREDO.
TE SUFOCO.
O TRANSFORMO EM PÓ ,
TE REDUZO A POEIRA.
E AO DILUIR-TE SOPRO AO VENTO E O TORNO LIVRE.

BROTAR VOCÊ

Eu montanha para tua escalada.
Quero deslizar em tua língua,
E tocar a tua alma
Entorpercer-te a ponto de nada mais querer
Em sorriso em ti dissolver.
E com a primavera brotar em semente.
Em flor com o nascer do sol.