TEMPESTADE



A tempestade expressa o burburim que está em mim.
A tempestade expressa a minha ansiedade.
A tempestade com seu cinza nublo,
Expressa a minha face.
A tempestade expressa o mundo e suas violências.
O homem não originou do macaco,
Mas da tempestade e dos vendavais.
Pois, os macacos não se matam mutuamente.
Mas, a tempestade e o vendaval esses são imparciais.
Inconseqüentes,
Desumanos.
E egoístas.
Não medem esforços para destruir.
Vai vendaval para bem longe de mim!

0 comentários: